compartilhe>

 

Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou que frustou uma tentativa de entrega de drogas a um detento do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Mogi das Cruzes. Os entorpecentes foram entregues pelos Correios.

Na segunda-feira (12) os agentes penitenciários flagraram em meio a um pacote enviado pelos Correios, que seria entregue a um dos detentos, 17 maços de cigarro. Neles, havia porções de maconha e de cocaína.

No sábado (10) uma jovem de 21 anos foi flagrada por meio do scanner portando um volume anormal no interior do corpo. Tratava-se de um invólucro no ânus. Quando questionada a respeito, a mulher admitiu estar com um pacote dentro de si. No pacote havia 107 gramas de maconha.

Fonte G1: 

https://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/agentes-penitenciarios-do-cdp-de-mogi-das-cruzes-flagram-tentativa-de-entrega-de-drogas-pelos-correios.ghtml

 

Agentes penitenciários encontraram droga no corpo de duas mulheres utilizando scanner corporal na Penitenciária de Mairinque durante a revista corporal no horário da visita, na manhã do último sábado, 10/02. 

Ainda conforme a SAP, a Polícia Militar foi acionada e ao realizar buscas no veículo de uma das suspeitas foram encontrados mais entorpecentes.

 

apreensao mairinque03

droga mairinque02

Os medidas cabíveis desde caso foram tomadas. 

Fonte G1

Leia a matéria:

https://g1.globo.com/sp/sorocaba-jundiai/noticia/dupla-e-presa-com-drogas-nas-partes-intimas-na-penitenciaria-de-mairinque.ghtml

 

Agentes penitenciários da Penitenciária I "Nestor Canoa" de Mirandópolis realizaram apreensão de porção de maconha escondida dentro de cigarros. Os cigarros com a droga estavam com um visitante que tentou adentrar a unidade neste final de semana.

 

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado de São Paulo (SIFUSPESP) congratula os agentes penitenciários envolvidos na ação de 12/01, que teve como resultado a apreensão de 75 aparelhos de celular, entre outros objetos ilícitos de posse de presos que tentavam entrar no Centro de Progressão Penitenciária (CPP) Ataliba Nogueira, presídio de regime semiaberto em Campinas.

Outra importante apreensão realizada na última semana, especificamente no dia 16/01, foi a apreensão de trouxinhas de maconha dentro de uma garrafa plástica de café. Um agente penitenciário encontrou a droga durante a revista de praxe realizada nos armários localizados próximos da horta onde trabalham os presos.

Segundo informações que chegaram até o sindicato, o trabalho foi resultado de um planeamento de inteligência do corpo funcional do CPP Ataliba que com estratégia e determinação têm vencido a batalha com o crime organizado.

“O trabalho dos agentes deve ser visto e valorizado. Com condições tão precárias de trabalho, com a superlotação e déficit funcional, o que torna a execução do trabalho muito mais difícil, os agentes têm cumprido seu dever de maneira que devem ser honrados. O Sifuspesp entende que a modernização do Sistema Prisional passa pela ampliação da formação dos agentes e pelo maior investimento na inteligência tática”, afirmou o presidente do SIFUSPESP, Fábio Cesar Jabá.            

O sindicato somos todos nós, unidos e organizados!