compartilhe>

Americana

Uma mulher foi flagrada no Centro de Detenção Provisória (CDP) "AEVP Renato Gonçalves Rodrigues" de Americana, durante o procedimento de revista, com 220 gramas de maconha escondidos no órgão genital.

As imagens feitas pelo body scanner mostraram alteração na região pélvica da suspeita e quando os agentes perguntaram sobre o que se tratava a mulher demostrou nervosismo e admitiu que estava com drogas. Ela foi impedida de visitar o companheiro e em seguida foi conduzida ao plantão policial, onde permanece à disposição da Justiça. 

Hortolândia

No sábado (04/08), duas mulheres foram detidas durante o procedimento de revista, no Centro de Detenção Provisória de Hortolândia (CDPH). Com as suspeitas foram encontrados um total de 12 gramas de maconha. As visitantes pretendiam visitar o companheiro, mas foram impedidas quando agentes perceberam, por meio das alterações nas imagens do scanner corporal, que havia algo irregular na região pélvica das duas. Ao serem questionadas, elas disseram que tinha escondido maconha no forro da calcinha. Elas foram conduzidas ao plantão policial, onde permanecem à disposição da Justiça. 

 

Fonte: SAP

http://www.sap.sp.gov.br/

Ribeirão Preto

Dois flagrantes ocorreram na Penitenciária de Ribeirão Preto. O primeiro foi no sábado, 04/08. Mulher de sentenciado foi flagrada pelo scanner corporal com objeto desconhecido na região íntima. Ela foi encaminhada à um local separado e acabou retirando de forma voluntária um pacote recheado de maconha.

No último domingo, uma mulher foi flagrada escondendo maconha dentro de pacotes de fumo. A droga estava dentro de uma sacola e foi encontrada pelos agentes de segurança no momento da revista nos pertencentes da visitante, esposa de sentenciado.

Um homem foi impedido de entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) “Nayan Xavier Ribeiro”, de Ribeirão Preto, no último sábado, 04/08. Ele foi barrado pelo scanner corporal que detectou objeto no bolso da calça. Tratava-se de um acessório de comunicação - fone de ouvido.

  

Serra Azul

No último sábado, 04/08, dois casos ocorreram na Penitenciária I de Serra Azul. Ambos foram flagrados pelo aparelho de scanner corporal.

O primeiro flagrante ocorreu quando esposa de sentenciado passava pelo scanner corporal que identificou objeto estranho na calça dela. Ela foi conduzida à uma sala separada para troca de roupa. As agentes de segurança revistaram a calça da visitante e encontraram maconha no cós da vestimenta.

O outro caso envolvendo droga no cós da calça foi registrado. Esposa de preso foi flagrada com maconha escondida na roupa. Também foi encontrada diversas anotações no lado avesso da peça.

   

Araraquara

Mulher de sentenciado foi flagrada com aparelho carregador de celular nos pertences. O caso ocorreu no último sábado, 04/09, na Penitenciária de Araraquara.

O objeto eletrônico estava escondido em uma blusa de frio dentro de compartimento.

 

 

 

Fonte: SAP

http://www.sap.sp.gov.br/