compartilhe>

Numa manobra do governo Doria, Tribunal de Justiça derrubou liminar que suspendia a licitação de presídios e sindicato realiza protesto contra as privatizações a partir das 8h desta terça-feira (15), em frente à SAP 

 

Por Redação SIFUSPESP

O Sifuspesp convoca os servidores e servidoras penitenciários para mobilização nesta terça-feira (15), a partir das 8h, para protestar contra a privatização de presídios em frente à sede da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), na Av. Gal. Ataliba Leonel nº 556, em Santana, na zona norte da capital paulista. 

Em decisão na noite desta segunda-feira (14), o presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), Manoel de Queiroz Pereira Calças, caçou a liminar que suspendia a licitação para cogestão dos presídios de Gália I e II, Aguaí e Registro, e o certame está confirmado para esta terça-feira, 15 de outubro. 

Presidente do SIFUSPESP, Fábio César Ferreira, o Fábio Jabá, avalia que a liminar derrubando a suspensão da licitação “é uma manobra política do governo João Doria junto ao Judiciário estadual, mas outras ações contra a licitação continuam tramitando e a mobilização desta terça-feira é importante para mostrar nosso descontentamento”, conclui.