compartilhe>

 

Agentes de segurança penitenciária (ASPs) e agentes de escolta e vigilância penitenciária (AEVPs) impediram duas pessoas de entrar com dezenas de celulares e diferentes variedades de drogas no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Diadema, na região metropolitana de São Paulo. O caso aconteceu no sábado (31).

Foram duas tentativas distintas. Na primeira delas, uma mulher foi flagrada no scanner corporal com pequenas quantidades de maconha e cocaína. Ela foi encaminhada à delegacia para o registro da ocorrência e suspensa do rol de visitas. Será apurada a participação do detento que receberia os entorpecentes.

No outro caso, um homem foi preso ao arremessar para dentro das muralhas um pacote com 15 aparelhos celulares, além de fones de ouvido, carregadores de bateria e chips de diferentes operadoras de telefonia.