compartilhe>

Departamento não sabe se retroativo virá em folha suplementar e definição depende da Fazenda

 

O Departamento de Recursos Humanos(DRHU) da Secretaria de Administração Penitenciária(SAP) informou ao SIFUSPESP que ainda não há um cronograma para os incrementos nos salários dos valores das promoções obtidas por servidores do sistema prisional paulista em concurso interno realizado em 2018.

Nas redes sociais e dentro das unidades prisionais, circularam boatos de que os valores já haviam sido pagos a alguns funcionários e que para os demais ela viria em folha suplementar, mas essa informação não procede.

O DRHU afirmou à equipe de comunicação do sindicato já teria enviado o pedido para o pagamento retroativo à Secretaria Estadual da Fazenda, mas que ainda não teve retorno por parte da pasta e até que isso aconteça, não tem como estabelecer um cronograma.

De qualquer maneira, as promoções estão garantidas e os valores referentes a elas serão repassados aos trabalhadores assim que houver uma definição oriunda do Executivo.