compartilhe>


Por Redação SIFUSPESP

Durante os procedimentos de revista deste domingo (20), policiais penais do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Mauá, na Grande São Paulo, flagraram uma visitante tentando na unidade com 48 invólucros de maconha no estômago. 

O scanner corporal detectou a droga e a mulher do preso foi encaminhada ao Hospital Radamés Nardini, onde os médicos confirmaram a ingestão e realizam exames para a retirada dos invólucros. Em seguida, a visitante foi conduzida ao 1º Distrito Policial de Mauá para registro do Boletim de Ocorrência. 

A mulher está suspensa do rol de visitantes, responderá pelo crime e foi instaurado Procedimento Disciplinar pelo envolvimento do detento