compartilhe>

SIFUSPESP celebra trabalho incessante de servidores para manter unidade funcionando com ordem, segurança e disciplina, apesar de superlotação e déficit

 

por Giovanni Giocondo

Os servidores da Penitenciária de Martinópolis, no interior do Estado, comemoram nesta quarta-feira(04) um total de 21 anos de excelente trabalho prestado na unidade, inaugurada neste mesmo dia de dezembro de 1998.

Garra, luta e perseverança marcaram a história das centenas de trabalhadores que já passaram pelo espaço e que continuam a lutar no dia a dia, mesmo diante de imensas dificuldades, tais como o déficit de funcionários e a superlotação.

De acordo com dados da Secretaria de Administração Penitenciária(SAP), a unidade possui atualmente uma população de 1.278 detentos, apesar de ter capacidade para somente 872.

O representante do SIFUSPESP na sede regional de Presidente Prudente, Apolinário Vieira, que trabalha como agente de segurança penitenciária(ASP) em Martinópolis desde seu primeiro dia no sistema, celebra a data como reconhecimento a todo o corpo funcional que faz enorme diferença para que a unidade funcione plenamente, “uma verdadeira engrenagem em que o encaixe das peças permite o desenvolvimento de um trabalho fantástico”, esclarece.

“É gratificante atuar com todos que aqui prestam serviços de enorme valor para a população. As pessoas do lado de fora dos muros se sentem mais seguras quando se têm trabalhadores tão dignos exercendo suas funções apesar da desvalorização e da falta de reconhecimento por parte do Estado. Muitos já se foram, aposentados ou por terem falecido, e outros ainda virão, mas certamente todos estão em nossos corações”, ressalta Apolinário.