compartilhe>

Como vínhamos alertando desde o início de nossa campanha contra a privatização e de nossa campanha salarial, forças muito poderosas estão por trás das privatizações, e que deveríamos estar preparados para ataques e tentativas de desunir a categoria.


Nossos inimigos sabem da importância do próximo dia 06 – Dia D de Luta Contra a Privatização.


Sabem que uma demonstração unificada e massiva de repúdio a este projeto nefasto pode significar seu fim.


Nossa categoria também já percebeu, que só unidos demonstramos nossa força.


Anos antes do Sifuspesp Mudar para Lutar, existiam células na categoria, que pregavam desfiliação em massa, causavam problemas e não tinham uma pauta concreta.


Nos últimos dois anos avançamos nas discussões de pautas concretas e mobilização.
Ocupamos o Congresso e o Ministério da Justiça, para barrar a Reforma da Previdência com nossas caravanas cidadãs.


Avançamos a PEC da Polícia Penal, organizamos a luta política e econômica da categoria, saindo na frente com a campanha salarial e antecipamos que enfrentaríamos  um processo de privatização (quando todos diziam que não havia risco) e agora defendem o discurso mas não aceitam o Sindicato Único.


Buscamos parcerias com o parlamento e a sociedade civil para combater este grande mal, sem nunca nos esquecermos das questões salariais ou da necessidade de contratações categoria. Tudo isso foi explicado que se tratava de nossa plataforma de luta, desde o começo de nossa gestão.


Hoje alguns elementos divulgam áudios privados, obtidos de maneiras inconfessáveis, colocados fora de contexto, com o objetivo de tirar a atenção da luta contra a privatização, atacar reputações e desunir a categoria.


Coincidentemente, o mesmo papel que a grande mídia faz quando ataca nossa categoria.
NÃO CONSEGUIRÃO!
CHAMAMOS A CATEGORIA A SE UNIR, NESTE DIA 6, E MOSTRAR AOS NOSSOS INIMIGOS INTERNOS E EXTERNOS QUE SOMOS FORTES.
Sempre falamos que parte do que enfrentaremos faz parte de uma guerra de comunicação.

Nossos inimigos usam técnicas para desunião de grupos :

  1. Criar divisões entre os elementos da categoria com diferentes  direitos e deveres (técnica SAP)
  2. Atacar reputações através da internet e pregar desunião
  3. Pregar a dúvida e a desconfiança
  4. Grupos e sindicatos atuam junto da linha política da SAP ou combinado (exemplo da última greve que foi combinada com o governo e prejudicou trabalhadores) para atacar outros sindicatos visando nos desunir
  5. Destruir reputações e carreiras através de processos injustos.

 

Nós utilizamos técnica para gerar união e força para obter objetivos individuais e coletivos:

  1. Estabelecer objetivos comuns para os diferentes setores;
  2. Campanha salarial discutida com todos e com mobilização real (isso só se faz com mobilização política e não com marketing e com caminho sem enfrentamento a nossos inimigos);
  3. Combate às privatizações que ameaçam a todos;
  4. Criar regras que aproximem direitos e deveres entre as carreiras;
  5. Lei orgânica que unifique as carreiras (sem esse objetivo a Polícia Penal muda pouco nossa história);
  6. Construir a certeza e a confiança através da transparência e participação.

Ficamos satisfeitos em, desde o início de nossa gestão, sermos diferentes, porque era necessário um novo caminho, imagine nossa categoria diante desses desafios com o mesmo comportamento do sindicalismo anterior. MUDAMOS ISSO, e a categoria acompanhou:

  1. Com isso expulsamos problemas e dificuldades;
  2. Fizemos um planejamento interno para quitar dívidas e fazer do sindicato uma máquina mais eficiente e responsável (veja em anexo nossa prestação de contas);
  3. Apontamos o caminho correto (mesmo que fosse o mais difícil);
  4. Chamamos a categoria a se filiar e mais do que isto a se organizar e participar da construção do sindicato;
  5. Votamos em assembleia pela unificação dos sindicatos (e vamos até o fim com isso).
  6. E mais que isto, chamamos a lutar contra a privatização do sistema e por melhores salários, condições de vida  e de trabalho.

Não recuaremos. Dia 6 de maio às 7 horas, em frente a SAP. Esta luta é de todos e por todos.

 

A Diretoria

https://www.sifuspesp.org.br/quem-somos/diretoria

 

Ata de prestação de contas :aqui