compartilhe>

 

Detentos seriam de facções rivais, de acordo com SINDASP-CE

Um confronto entre presos terminou com dez detentos mortos na manhã desta segunda-feira, 29/01 na cadeia pública de Itapajé, no interior do Ceará. Os sentenciados teriam serrado as grades e as utilizando como armas contra os demais.

De acordo com Valdemiro Barbosa, presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores Públicos do Sistema Penitenciário(Sindasp-CE), os assassinatos podem ter relação com o conflito entre duas facções criminosas que atuam nas unidades prisionais do Estado.

A polícia civil do Ceará investiga se existe vínculo entre as mortes ocorridas hoje e a chacina registrada na madrugada do último sábado em uma boate, quando criminosos armados mataram 14 pessoas em Fortaleza. Entre os mortos, três tinham passagem pela polícia.

O secretário estadual de Segurança Pública, André Costa, afirmou que o massacre também pode estar relacionado à briga entre essas facções, já que aconteceu em um bairro onde há disputa entre essas organizações criminosas.

Ainda de acordo com Costa, a casa noturna havia sido fechada em agosto do ano passado porque, segundo ele, teria sediado uma festa “em comemoração à morte de um sargento da Polícia Militar”.

 

Leia mais:

 

https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/conflito-entre-detentos-deixa-mortos-e-feridos-em-cadeia-no-interior-do-ceara.ghtml

 

https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/tres-das-14-vitimas-da-chacina-tinham-passagens-pela-policia-afirma-secretario-da-seguranca-do-ceara.ghtml