compartilhe>

Governador de São Paulo vai ao município para inaugurar CDPs I e II de Pacaembu nesta quinta-feira

 

 

O SIFUSPESP participa nesta quinta-feira, 11/04, da inauguração dos Centros de Detenção Provisória(CDPs) I e II de Pacaembu, no interior do Estado. Cada uma das unidades terá capacidade para 847 detentos e as duas custaram R$91 milhões.

A inauguração simbólica dos CDPs por parte do governador João Dória(PSDB) acontecerá no município de Presidente Prudente. Na sexta-feira, o secretário de Administração Penitenciária, coronel Nivaldo Restivo, fará a abertura oficial das unidades.

Representantes do sindicato na região vão aproveitar a oportunidade para tentar solicitar junto a Dória uma reunião urgente em que possam tratar da campanha salarial dos trabalhadores penitenciários, que tiveram sua data-base vencida em março.

Um ofício também será entregue a Dória a fim de agendar o encontro, diante de mais de um mês de silêncio por parte do vice-governador e secretário de Governo, Rodrigo Garcia, que ainda não se manifestou sobre receber o sindicato para dialogar sobre o tema. Bem como da falta de continuidade do Secretário em dar seguimento a negociação iniciada com o SIFUSPESP e encerrada no meio, com compromisso dado pelo mesmo de continuidade.

Em fevereiro, integrantes do SIFUSPESP reuniram-se com o secretário de Administração Penitenciária, coronel Nivaldo Restivo, que havia afirmado que qualquer assunto financeiro em benefício dos servidores deveria ser tratado exclusivamente com o executivo.

Na opinião do presidente do sindicato, Fábio Jabá, o Palácio dos Bandeirantes precisa se posicionar sobre as reivindicações da campanha salarial dos trabalhadores penitenciários para que um diálogo sobre melhorias nas condições de trabalho da categoria seja construído, e possa atender uma demanda ignorada pelos seguidos governos do PSDB.

Desde 2014, os servidores só tiveram reposição irrisória de 3,5% em março de 2018, enquanto as perdas salariais acumuladas com a inflação ao longo dos últimos cinco anos já chegam a aproximadamente 30%.